Um pouco sobre o Futuro da seleção Feminina de Basquete

Para aqueles que lembram daquela seleção brasileira de 1994 que conquistou o campeonato mundial e logo após conseguiu a incrível proeza de chegar a uma final olímpica levando a prata certamente se preocupa atualmente como anda este time que já a algum tempo não presenteia seus fãs com uma gloriosa final ou vitória em alguma competição importante do basquete.

Se você tem por volta de uns 30 anos e gosta do esporte, provavelmente teve suas melhores memórias naquela época, nomes como Hortência, Paula, Suzete entre outras vem na sua cabeça como ídolos absolutos. Aquela choradeira de ter perdido o torneio olímpico o qual você chorou junto ainda muito jovem.

Atualmente a seleção se encontra com alguns problemas, vem perdendo jogos simples e com grande dificuldade de se classificar em boas posições de torneios importantes. mas qual será o problema? E a solução? Tenha plena certeza de que estas meninas estão sendo bastante cobradas. Talvez uma falha técnica ou escolha de jogadoras inexperientes. Não existe ainda uma afirmação concreta sobre os problemas que a seleção esta enfrentando atualmente, há aqueles que dizem que falta uma estrela dessa que aparecem de 100 em 100 anos, bem se for contar tivemos uma a 20 anos não é mesmo? Então faltam 80.

Brincadeiras a parte o fato é que a seleção precisa mostrar mais resultados se quiser aumentar a quantidade de fãs e emoção que este esporte fantástico pode nos trazer, o brasil não é apenas o país do futebol, seremos sede das olimpiadas em 2016, daqui a apenas 2 anos e temos que mostrar tudo de bom que temos ao máximo, ainda há tempo de resolver problemas e apostar na juventude para conseguir resultados daqui a 2 anos.

A seleção brasileira de basquete atualmente esta visando o torneio sul-americano, o publico em geral não esta muito otimista pela grande quantidade de derrotas em amistosos que o time vem apresentando, mas vamos torcer pelas nossas meninas do basquete e esperar que essa estrela que surgi a cada 100 anos possa vir mais cedo desta vez e nos surpreender nestas olimpíadas de 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *