Bucks não entram em quadra em protesto contra racismo na NBA

Desde o retorno da temporada regular da NBA após a paralisação por conta da pandemia do novo Coronavírus no final de julho a liga tem trazido uma série de ações para demonstrar o seu apoio à luta antirracista iniciada desde o episódio George Floyd. Porém, a luta parece longe do fim e um novo episódio recente fez com que o Milwaukee Bucks tomasse a decisão histórica de não entrar em quadra para enfrentar o Orlando Magic no jogo 5 dos playoffs da Conferência Leste nessa quarta-feira, dia 26 de agosto.

O caso que levou a esse protesto dos jogadores do Milwaukee Bucks envolve o cidadão norte-americano negro Jacob Blake, que no último final de semana ao tentar apartar uma briga entre duas mulheres levou dois tipos pelas costas da polícia de Kenosha no estado do Wisconsin, em mais um episódio de racismo da polícia dos Estados Unidos. Segundo a sua família Jacob Blake perdeu o movimento das pernas.

A violência policial contra pessoas negras já havia causado o movimento Black Lives Matter (Vidas negras importam) desde a morte de George Floyd em maio, e a própria NBA traz a mensagem em suas camisas desde o retorno da liga, além de os jogadores estarem se ajoelhando durante a execução do hino nacional antes das partidas e de trazerem mensagens de igualdade em suas camisas.

Os jogadores do Orlando Magic já estavam em quadra para o aquecimento quando souberam o que Milwaukee Bucks não iria para a quadra em protesto e logo também saíram em apoio à manifestação. Além de jogadores de ambas as equipes nomes importantes de outros times como LeBron James, Jamal Murray e Donovan Mitchell também se se manifestaram nas redes sociais apoiando o boicote.

A NBA também não demorou para se pronunciar e cancelou todas as partidas de hoje que seriam válidas pelos playoffs da liga. Além da partida entre Milwaukee Bucks e Orlando Magic o dia também teria duelos entre Houstou Rockets x Oklahoma City Thunder e Los Angeles Lakers contra o Portland Trail Blazers.

Todos esses jogos seriam a 5 partida de séries melhor de 7 e a NBA ainda não informou qual a nova data em que elas serão disputadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *