Draymond Green não estranha torcida para o Toronto Raptors

Pela primeira vez na história da NBA uma equipe do Canadá está nas finais da Liga. E por mais que todos saibam que o povo norte-americano é um dos mais, senão o mais, patriotas do mundo, ao contrário do que isso possa sugerir os Estados Unidos em peso estarão na torcida pela equipe do Toronto Raptors.

A pesquisa foi encomendada por um site de apostas online e mostra que dos 50 estados norte-americanos a equipe canadense terá o apoio de nada menos do que 47 deles. O Golden State Warriors contará com a torcida da Califórnia, o seu estado natal, de Nevada e do Havaí. No mais, todos os outros estarão na expectativa pelo título do Toronto Raptors.

Esta é uma pesquisa de certo modo surpreendente, já que coloca o time do Toronto Raptors como o preferido até mesmo em cidades onde nutre rivalidades com seus companheiros de divisão, como Massachusetts, lar do Boston Celtics, na Pensilvânia lar do Philadelphia 76ers e também Nova York, estado que tem além do New York Knicks a equipe do Brooklyn Nets na divisão do Atlântico.

Além disso, o time é favorito em Wisconsin mesmo após deixar para trás o favorito Milwaukee Bucks nas finais da Conferência Leste.

Para Draymond Green, ala-pivô do Golden State Warriors famoso por sua língua afiada, esta não é uma situação muito difícil de ser explicada:

– “Estão torcendo contra a gente nos Estados Unidos porque ganhamos de todos os times deles. Então, está tudo bem. As pessoas querem ver você no topo para depois ver cair, é o pensamento de todos os seres humanos. É normal, e está tudo bem. Os times deles estão sentados assistindo de casa como eles”.

Outro que deu declarações semelhantes ao seu companheiro de equipe foi Stephen Curry:

– “A sensação é que nos últimos três anos, todos tentam tirar algo da gente, nos derrubar, afetar nossa química. Esse ano, isso parece ter ficado ainda mais forte com a janela de agentes livres e tudo mais”.

Vale lembrar que o Golden State Warriors chegou às finais da NBA nas últimas 5 temporadas de maneira consecutiva, conquistando o título em quatro oportunidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *